Está aberta a quinta edição do Prémio Internacional “Economia e Sociedade”, promovido pela Fundação Centesimus Annus – Pro Pontifice (FCAPP), com o objetivo de promover o conhecimento da Doutrina Social da Igreja Católica.

Nesta edição serão atribuídos dois prémios, distribuídos por dois segmentos:

  • um prémio no valor de 20.000 euros para publicações na área económica e social
  • um prémio que consiste na atribuição de duas bolsas de estudo a dois jovens investigadores no valor de 10.000 e de 20.000 euros.

Ambos os prémios serão atribuídos em 2021.

Para concorrer ao primeiro prémio, é necessário respeitar alguns requisitos: a publicação a concurso deverá ter sido editada depois de 2015 e deve destacar-se pela sua contribuição original para a explicação, o aprofundamento ou a aplicação da Doutrina Social da Igreja no contexto atual. No mesmo sentido, é essencial que a publicação tenha fundamentos sólidos notáveis. O júri avaliará trabalhos publicados em inglês, francês, português, italiano, espanhol, alemão e polaco. As propostas devem ser apresentadas até dia 24 de maio de 2020.

Relativamente à atribuição das bolsas de estudo, estas destinam-se a jovens investigadores de idade não superior a 35 anos, para a frequência, a partir do ano letivo 2021/2022, de cursos superiores de especialização e/ou investigação em Universidades ou Instituições/Escolas de ensino superior no campo de estudo e aplicação de novos modelos de desenvolvimento socioeconómico que, de acordo com os princípios da Doutrina Social da Igreja, sejam conclusivos, solidários e sustentáveis. O valor das bolsas de estudo será de 10.000 euros se a Universidade/Instituição/Escola de Especialização estiver localizada no mesmo país de residência do candidato e 20.000 no caso de estar localizada num país diferente do país de residência. Para concorrer a esta bolsa, os candidatos deverão enviar ao júri uma breve apresentação, de três páginas, do projeto que pretendem realizar, anexando a apreciação de um professor responsável pelo projeto e uma cópia dos diplomas universitários (os candidatos devem possuir um diploma de mestrado ou de ciclo único, ou equivalente, obtido com uma nota mínima de 105/110, ou nota equivalente, entre 1 de agosto de 2014 e 31 de dezembro de 2019. Para os candidatos não italianos é exigido que o diploma tenha sido obtido após a conclusão de um ciclo de estudos de pelo menos cinco anos). Serão também considerados projetos em francês, italiano, inglês, português, espanhol, alemão e polaco e as candidaturas devem ser apresentadas até dia 30 de setembro de 2020, acompanhadas dos documentos mencionados.

Para mais informações, consulte o site oficial da FCAPP http://www.centesimusannus.org/ ou o endereço eletrónico centannus.award@foundation.va

  • Partilhe